11/06/2008

Ljubljana III

Meu dia de passeio pela cidade terminou ao longo do Rio Ljubljanica, que corta todo o centro da cidade dividindo a cidade em duas partes quase iguais. O rio, as pontezinhas e os tipos de prédio que existem ao longo dele tornam a cidade bastante simpática e até romântica.

O ponto mais central da cidade é Praça de Preseren, que fica ao lado das "Três Pontes".
As três pontes, na verdade, são duas para carros e pessoas e uma só para pedestres que ligam a praça e a ópera ao outro lado. Não têm mais do que uns 30 metros de comprimento, mas são branquinhas e cheias de detalhes. A imagem abaixo, em que aparece a Igreja Francisca na Anunciação, a Ópera e as Três Pontes, é considerada o cartão-postal da cidade.
Como em qualquer outra cidade européia, a praça é o foco de artistas, vendedores, turistas e manifestações políticas. De qualquer ponto que se olhe para cima, inclusive dali, tem-se a vista do castelo lá em cima.
Algumas quadras mais adiante, em direção à estação de trem, ficam alguns prédios famosos na cidade, por terem sido feito pelo arquiteto Joze Plecnik, que parece ser a grande celebridade nacional, de tantas referências que há sobre ele em tudo. É como se fosse o Gaudí esloveno, mas bem mais conservador. Muitos passeios e guias trazem roteiros para estudantes de arquitetura conhecerem as obras dele pela cidade, como a que aparece abaixo.

Nenhum comentário: