11/07/2008

Roma - balanço de 3 dias

Apenas 3 dias em Roma é muito pouco, esta foi a conclusão a que cheguei, mesmo enquanto ainda estava lá. Talvez 5 estejam de bom tamanho, para quem tem outros lugares a conhecer.

A cidade é realmente muito interessante, embora meus comentários a respeito do trânsito, da desorganização e da grande quantidade de igrejas tenham feito parecer que não gostei tanto. Sem dúvida alguma, foi um dos lugares que mais gostei, talvez só tendo perdido para Barcelona naquela viagem (disputa o segundo lugar com Praga, na minha preferência).

É muita história num lugar só. É muita coisa que a vida inteira escutamos falar, ali, ao vivo. Assim como Paris, o mundo inteiro copia coisas que originalmente só existem naquela cidade. Se tiver que comparar, sem dúvida alguma a coloco na frente de Paris.

Não consegui fazer um monte de coisas que poderia fazer se tivesse mais tempo. Só para citar alguns lugares aos quais não fui:
- Villa Borghese;
- o estádio das Olimpíadas de 1960;
- a Via Apia;
- os museus (fora os do Vaticano).

Tem também o fato de que, em muitos lugares, especialmente no centro, apenas passei na frente e tirei alguma foto, porque estava a caminho de outros.

Acabei não saindo nenhuma noite na cidade, embora tivesse tido uma oportunidade num dia em que conheci um pessoal no albergue que sairia. Acho que fiquei mais "introspectivo" nessa fase sozinho da viagem.

Coloco um pouco da "culpa" por não ter aproveitado tanto nas longas filas que tive que agüentar nas três vezes em que fui ao Vaticano - além de tempo elas me tomaram disposição.

Certamente é um lugar a retornar, para ver outras coisas e aproveitar com mais calma.

Nenhum comentário: