30/05/2008

Viena: Palácios e mais palácios

Logo depois da Ópera, passamos pela parte da cidade onde começa a seqüência de palácios e mais palácios do tempo do Império Austro-Húngaro.

Revisando minhas fotos, percebi que quase todas elas, quanto a essa parte da cidade, são comigo na frente, razão pela qual preferi não publicá-las aqui, para seguir a política que adotei desde o início do blog.

Bom, o primeiro lugar por onde passamos foi a Maria-Theresien Platz, que é cercada pelos prédios gêmeos onde ficam os Museus Nacionais de História natural (de um lado) e de Cultura (do outro). O gramadinho no meio convida para um descanso, e foi ali que tomamos as decisões referentes à continuação da viagem, telefonando para o Brasil.Em frente à praça, ainda fica o Museumsquartier, mas nesse nem chegamos a parar.

Umas poucas quadras dali, atalhando pela Heldensplatz, fica o complexo de palácios do Hofburg, sede do governo real nos tempos do Império. Naquele dia estavam preparando um palco e umas arquibancadas para algum evento em frente ao Neue Burg, por isso nem pudemos chegar muito perto.



Passando pelos portões gigantes do palácio, entra-se numa área aberta toda cercada por prédios do palácio. Um pouquinho ao lado, ficam a Josefsplatz e o palácio da Albertina.Nessa parte da cidade, o que mais há são carruagens puxadas por uns três cavalos, para aluguel para passeios. Os velhinhos fazem a festa, sentindo-se em dias de rei. Para nós, só resta o cheiro forte do xixi dos cavalos que toma conta de toda a rua, às vezes até acumulando em grandes poças nas sarjetas ao lado das calçadas (coisas ruins que parece que quem está por ali faz de conta que não vê).

Confesso que não estávamos muito inspirados nem com paciência naquele dia para dar muita atenção a esses palácios todos, com a questão da viagem a Budapeste por ser resolvida.

Seguimos nosso passeio em direção ao Volksgarten, uma simpática e inesperada praça bem grandinha ao lado daquela seqüência de prédios históricos. O clima era bem relax, com gente tomando sol sem camisa deitado na grama, casais namorando, crianças brincando com cachorros, etc. Um bom lugar para um refresco na andança. No meio dela, há uma réplica dos templos gregos clássicos - o Theseustempeln.



Em frente ao Volksgarten fica o prédio do Parlamento Austríaco, que é esse que aparece aí embaixo.
Pela avenida em frente ao Parlamento, seguindo a caminhada passa-se pela Prefeitura de Viena, que também tem uma pracinha (Rathausplatz). Curioso era que havia um circo, daquele com lona, antigões, instalado bem em frente ao prédio.


Algumas quadras mais adiante, fechando o anel (Ring) do centro de Viena, ficam os prédios da Bolsa, do Teatro e a Votivkirche, que aparece abaixo.

Nenhum comentário: